Morning Sun - 24º Capítulo


Eu estava totalmente perdida, confusa, e surpresa com essa história. Eu não sabia se chorava mais, se abraçava minha mãe, se ligava pro meu pai saber disso, se saia correndo, eu estava totalmente surpresa com tudo o que ela me disse. E eu sempre achando que a culpa era minha, sendo que minha mãe que terminou com o meu pai por bobeira, e eu ainda não estou acreditando nisso. Eu estava tentando racionar o que ela tinha me falado, tudo não passou de um mal entendido, eles ficaram anos separados por uma bobeira.

Eu: - olhei pra baixo. – Não acredito que você simplesmente terminou com o meu pai por uma bobeira dessa.

Mãe: Eu também não acredito que fui tão ingênua a esse ponto. Filha, olha pra mim. – disse ela passando a mão em meus cabelos.

Eu: - levantei a cabeça e a olhei atenta com os olhos cheios de lágrimas. –

Mãe: Eu não quero que você fique com raiva de mim, e nem que me odeie. Eu errei, eu sei. E eu convive com esse erro por anos, eu devia ter corrido sim atrás dele, mais meu orgulho não deixou, quantas vezes eu disquei o número dele, mais eu perdi a coragem de ligar, quantas vezes eu escrevi um e-mail pra ele, mais perdi a coragem de mandar, e simplesmente apaguei, e deixei que o tempo resolvesse tudo isso, mais ele não foi o único que sofreu aqui, eu amo seu pai Megan, eu nunca neguei isso pra ninguém, eu posso ter falado pra ele que eu não o amo, mais isso foi de boca pra fora, e o meu “Adeus” pra ele não foi verdadeiro. Eu estava com a cabeça quente, e depois que eu soube de toda a verdade, se acha que eu fiquei como? Boa? Feliz? Se eu sorrio hoje é por você, porque se não fosse por você filha, eu não sei o que seria de mim, ou até mesmo nem saberia se estaria aqui ainda. – disse chorando.

Não pensei duas vezes, e logo a abracei. Abracei ela forte, como se não houve o amanhã. Eu sei que julguei mal, sei que não precisava gritar com ela, mais eu tinha o direito da saber disso tudo, porque eu sei que ela não estava bem, mais eu também não estava bem, pois eu ficava com um sentimento de culpa achando que o motivo deles dois terem se separado foi minha. Mais não, foi por uma coisa totalmente absurda, por uma pessoa que dizia ser amiga da minha mãe, amiga? Aonde isso é amiga? Eu vou fazer meus pais ficarem juntos. Os dois se amam, não vejo nenhum motivo pra eles dois ficarem simplesmente afastados. E ambos sofrendo.

Eu: Me desculpa por ter gritado com você. – me separei do abraço. – Eu só queria entender o porque disso tudo ter acabado, mãe vocês dois se amam, porque continuam sofrendo atoa? Eu só quero vocês dois felizes, porque vocês são a minha felicidade também, vocês são absolutamente tudo pra mim.

Mãe: Eu entendo você. Eu nunca te vi desse jeito. – rimos leve. – Você tinha todo o direito de saber disso, porque você ficava se culpando por algo que não fez, porque a culpa não foi sua. O tempo vai dizer tudo, se vamos ou não ficar juntos, um dia ele pode cansar de mim, e ir seguir seu caminho. 

Eu: Mãe, me promete uma coisa?

Mãe: Claro, diga.

Eu: Conversa com ele? Fala tudo o que aconteceu, eu acho que ele também tem esse direito, aliás você terminou com ele, simplesmente por terminar, e ele não soube o motivo disso tudo.

Mãe: Ok, quando eu encontrar com ele, eu converso ok?

Eu: Promete?

Mãe: Prometo, tudo por você.

Eu: Aliás, ele vai fim pra cá na semana do meu aniversário.

Minha mãe ficou surpresa, e não conseguiu esconder o sorriso, e se levantou ficando de costas pra mim.

Eu: Você gostou não é mãe? – sorri, mordendo o lábio.

Mãe: - deu uma leve risada – Como não gostar? Faz tempo que eu não vejo ele. – me olha. – Eu estou parecendo uma adolescente né?

Eu: Que isso mãe, se tem que ficar feliz mesmo. – me levantei. – Aliás, se vai encontrar o amor da sua vida, e isso é perfeito.

Mãe: - sorri. – Eu te amo filha.

Eu: Eu também mãe, te amo muito. – abracei ela.

Mãe: - separando o abraço e me olhando. – Vamos conhecer a nossa nova casa?

Eu: Claro que sim. – rimos.

Peguei meu celular marcava 15:58. Como o tempo passou rápido.

Mãe: As nossas malas já estão no carro, Scooter vai levar agente. Mesmo sendo perto daqui, ele e a Carin insistem em levar agente. - rimos. 

Eu: Ok, vamos. – entrelacei meu braço no dela, e descemos.

(...)


Eu: Meu Deus, essa casa é perfeita. - disse olhando a casa que minha mãe comprou.



Mãe: Eu te disse, tenho bom gosto. – rimos.


Carin: Mais não é pra viver só nela não viu? Pode ir na minha casa também viu? E não tem desculpa não porque é perto daqui, no máximo 10 minutos. Moramos no mesmo condomínio. 

Mãe: - ri. - Não se preocupa iremos sim pra lá, e vocês dois venha aqui também , viu?

Scooter: Pode deixar. – sorri.

Carin: Bom, agente vai indo. – disse dando um beijo na bochecha da minha mãe, e em seguida em mim.

Mãe: Vocês não querem entrar?

Scooter: Deixa pra outro dia, agora eu vou ter que resolver umas coisas da Megan também.

Mãe: Ok, até.

Nos despedimos dele, e fomos pra minha casa. Minha mãe abriu a porta e entramos.

Eu: Meu Deus, como isso aqui é mais perfeito dentro. – disse olhando a sala. E jogando minha bolsa em cima do sofá.


Mãe: Gostou? – sorrindo.

Eu: Eu adorei isso aqui.

Mãe: Vem vou te mostrar o resto.

Minha mãe foi me mostrando tudo. 

Cozinha:


Sala de jantar:




Área da piscina (Vocês podem ver ali na foto da casa aonde aparece a piscina. Só imagina aquela área ali um pouco maior ok?)

Até uma sala para ela criar suas roupas:



Eu: Que linda essa sala mãe. 

Mãe: É aqui onde eu vou criar seus figurinos. - sorri. 

Eu: Perfeito. - sorri.

Fomos para o andar de cima, ela me mostrou o quarto de hospede.


O seu quarto:




 e por fim o meu.


Todos os quartos tinham suítes.

Eu: Esse quarto é meu? – disse surpresa.

Mãe: Única filha que eu tenho é você. – rimos.

Eu: Mãe é perfeito. – disse olhando ao redor.

Mãe: Que bom que gostou. – sorriu. – Abre aquela porta ali. – disse apontando pra uma porta atrás de mim.

Fui até a porta e abri.



Eu: NÃO ACREDITO. – disse gritando. – EU TENHO UM CLOSET AGORA.

Mãe: - ri – O que achou?

Eu: Você ainda pergunta? É perfeito, tudo aqui é perfeito. – Olhei ela - Além de ser boa como estilista, também é boa como arquiteta, tem algo a mais que eu não sei senhorita Viviane? – rimos.

Mãe: Bom, eu também sei cozinhar muito bem.

Eu: Disso eu já sabia, a comida da senhora é muito boa.

Mãe: É porque você ainda não viu a do seu pai. – sorriu.

Eu: Logo, logo, eu irei ver. E estaremos todos ali na mesa comendo e felizes, ok?

Mãe: Você que manda. – rimos. – Vou arrumar minhas coisas e preparar alguma coisa pra gente comer, depois te chamo ta?

Eu: Ok mãe.

Minha mãe saiu do meu quarto, que era realmente perfeito. Essa casa é perfeita. Fui até a varanda que dava pra ver a piscina, sorri ao ver aquilo.
Peguei as minhas malas, e comecei a retirar tudo e colocar no meu closet.

(...)


Continua.. 10 comentários. 

Oi minhas princesas como vocês estão? Ficaram com saudade de mim? Não? Ok :c Eu fiquei com saudade de vocês u-u, eu até tentei postar pelo celular, mais só que foi uma tentativa totalmente #FAIL.

Esqueci de avisar uma coisa. A mãe da Megan a Viviane e o pai dela o David, imaginem eles como a Angelina Jolie e o Brad Pitt ok? Foi o único casal que eu achei melhor. E eles são lindos juntos. *u* 

E eu sei que o Bieber está sumido, mais no próximo capitulo ele vai aparecer *-*


                                                                                                         xoxo, bia.

15 comentários, comente também!

  1. Tudo perfeito >.< quando a Megan e o Justin vão .. você sabe se beijar?? E eu senti sua falta ok?

    ResponderExcluir
  2. eu senti sua falta bia de vdde cada dia que passa sua historia me facina serio


    by: renata

    ResponderExcluir
  3. aaaa muito legal, to torcendo para que eles conversem e se resolvam hehehe
    Aiin vai demorar muito pros babys (Megan&Justin) ficarem juntos ???
    Senti saudades sim taa !
    continua gata
    beijoos xoxo

    ResponderExcluir
  4. Continua , eu tive saudades sim tá ?
    aain que fofo , tomara que os pais fiquem logo juntos *-*

    ResponderExcluir
  5. Todos os dias entrava no blog pra ver se você já tinha postado =)
    O Justin tem que vim logo *--* quero ver também o 1° beijo deles KKKKK ~le eu apressadinha~

    Continuaaa

    ResponderExcluir
  6. awwwwwn quero uma casa assim tambem U_U hahahahahaahahahahahahahah
    boa sorte a dina viviane e ao pai da Megan lol kkk
    continuaa, cade o justin? UAHSUSAUHASHUSUHSAHUSAHAUS
    bjjs

    ResponderExcluir
  7. ta otima a IB amore, só acho que o justin ta meio sumido kjsjsdkjksdj sou muito apressadinha
    continua

    ResponderExcluir
  8. Eu senti sua falta Bia, mas, ainda bem que você voltou!
    Continua logo, to curiosa ^.^
    Beijos, Gih!

    ResponderExcluir
  9. awwn .. perfeito *---* .. quero ver logo o bjo do justin e da megam .. muito fofo os dois *---*
    continua pliis !!!!

    ResponderExcluir
  10. Estou adorando amore continua *o*

    ResponderExcluir
  11. Anw *--* Óbvio q sentimos sua falta, néh??
    Nem precisa perguntar.. haha'
    Que bom q o Jus vai aparecer logo, saudades dele u.u
    Bjoss e CONTINUA ☺

    ResponderExcluir
  12. Oii? Você ainda pergunta?
    Eu sentiria sua falta
    e muitoo, se você sumice
    Entãao não suma, ook?
    O capitulo foi perfeito, mas to com saudade do Justin u.ú

    Xoxos, Sua Pandacornio, Bruh ♥

    ResponderExcluir

Obrigada por terem lido. Espero que tenham gostado. Comentem o que acharam, opiniões e sugestões de vocês são muito importante para mim. Até mesmo as críticas. Tudo aqui é bem vindo (: Quero poder fazer o melhor para vocês. Aliás, vocês merecem.

Seus comentários me estimula a escrever/postar mais. >.<

Se for comentar em anônimo, por favor, coloque o nome, ou se tiver twitter melhor ainda. Muito obrigada. *-*

xoxo, bia vieira. ♥